TALENTOS DO VALE DO PARAÍBA, SERRA DA MANTIQUEIRA E LITORAL NORTE

R I C A R D O   M O N T E N E G R O

( Artista de Aquarelas  Desenhista  Mestre  |  Taubaté SP )

Aquarelas de cidades do Vale do Paraíba, Serra da Mantiqueira, Litoral Norte, Paraty, Angra dos Reis, São Paulo e Rio de Janeiro

Arte em porcelanas, cerâmicas, azulejos e  quadros

http://ww.casadasaquarelas.com.br  |  www.flickr.com/ateliermontenegro  |  facebook

RMontenegro_perfil

Conheça R. Montenegro  (vídeo por Jardim Cultural)

PELO PRAZER DE PINTAR

Ele enxerga a beleza das coisas…

Há mais de 35 anos Ricardo Pacheco de Medeiros Montenegro é mestre em transferir seu dom e seus conhecimentos para aquarelas carregadas de resgate histórico, arquitetônico e cultural.

As cidades do Vale do Paraíba e de outras regiões são encontradas em suas pinturas “bucólicas e pitorescas”, como ele mesmo gosta de definir suas obras.

Natural de Barra do Piraí-RJ, cidade do Vale do Paraíba sul fluminense, Montenegro é formado em Engenharia Industrial Mecânica e especializou-se em Desenho Industrial.

Nas décadas de 1960 e 1970, trabalhou como ilustrador para empresas e agências em São Paulo.

Sempre tendo o desenho como base,  o  pesquisador  realizou  trabalhos  em  universidades  brasileiras  e americanas. 

O artista conta com um acervo de mais de 700 aquarelas originais, também reproduzidas em cerâmicas.

Em seu ateliê localizado em Taubaté, dedica-se ao ensino do desenho e da aquarela.

Quadro Ubatuba - mercado de peixes em vila do litoral norte

Ubatuba SP  |   Mercado de Peixes em vila do Litoral Norte

Antes de pintar suas obras, Montenegro passa por um extenso processo de exploração.

“Exige muita paciência. Eu pego meu material, vou às pracinhas da cidade, sento lá e converso com a comunidade, os professores, os pesquisadores, aqueles senhorzinhos aposentados. Vou à farmácia, delegacia, prefeitura, Câmara Municipal, ao mercadinho, empório, enfim,  é  impressionante  como  as pessoas  do  Vale  do  Paraíba  ajudam  e são super atenciosas. A comunidade é muito boa e todos são muitos generosos. Eles me ajudam muito”.

Quadro SP estacao da luz 1910_1

São Paulo  |  Estação da Luz  1910

O artista estuda o urbanismo, a influência dos costumes e o crescimento da cidade.

Quadro SP Ponte Estaiada 2008

 São Paulo  |  Ponte Estaiada Octávio Frias de Oliveira 2008

“É preciso restaurar o desenho, ver como era o piso, a iluminação das ruas, como eram  as roupas, os meios de transportes, se era  cavalo,  charrete  ou  trem,  conforme  a  época  que vou  pesquisando  e  resgatando  as  imagens  de  cada  cidade.  Depois entra a fantasia”.

Quadro rio_de_janeiro_-_arcos_da_lapa_1747_

Rio de Janeiro  |  Arcos da Lapa 1747

Seus registros remetem aos séculos XVIII e XIX. Em algumas aquarelas o autor mescla a evolução do modernismo com elementos da contemporaneidade.

“É muito mais difícil retratar as imagens contemporâneas. Acho que lido melhor com a beleza e o romantismo de outras épocas em que existia uma palavra importantíssima chamada gentileza. Se quiserem chamar de saudosismo que chamem. O resgate educacional deve servir  para enfatizar a cultura de uma região”.

 Pelo prazer de pintar pg1

Leia a Matéria completa

Pelo prazer de pintar pg2

Decoração  |  Quadros de Arte Regional

Escritorio603589_394054197323416_536352410_n

Copyright © 2018 Tradicional do Vale, All Rights Reserved. Powered by WordPress